quarta-feira, 29 de abril de 2009

post só pra mostrar uma foto do dia do nosso casamento

Este casal que vos fala com meus primos: Victor, Beto, Lucas e Julia.
Acredito que essa foto tenha sido editada pelo Beto.

sábado, 25 de abril de 2009

Introdução aos pensamentos sobre INCLUSÃO DIGITAL

Muito se tem falado sobre inclusão digital, entretanto, pouco se tem
parado para pensar sobre o que isso realmente significa. Sabe-se que durante as últimas décadas, a tecnologia de modo geral tem sido desenvolvida em grande escala, e que, principalmente nos últimos anos, tal desenvolvimento tem tomado proporções gigantescas.
Portanto, é interessante que se façam observações da tecnologia que se emprega no cotidiano, para se ter uma noção de como o seu desenvolvimento tem mudado o dia-a-dia das pessoas. Mais especificamente, é importante observar o impacto do emprego da informática no cotidiano da população de modo geral, e tal observação não cabe apenas aos especilistas no assunto, mas também, e principalmente, às pessoas cujas vidas são afetadas diretamente por essa grande revolução da informação e das comunicações.

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Despedida das mini rosas amarelas



Hoje foi um dia movimentado aqui na nossa casinha. Meu marido saiu cedo para trabalhar, cerca de 1 hora depois eu levantei, tomei banho, levei a Pitty para dar um passeio.Voltamos, deixei a Pitty em casa e fui trabalhar.
Saí do trabalho, liguei pro meu marido que também estava saindo do trabalho dele, que eu não iria direto pra casa pois teria consulta médica.
Fui médico, fui à perícia para o plano de saúde liberar os exames, passei na outra clínica para agendar os exames, fui pra casa - Tomei aquela chuva fina e gelada que caiu hoje à tarde, somente enquanto eu passava pela rua e que parava cada vez que eu entrava em algum lugar.
Cheguei em casa, marido estressado porque cachorra fez a maior bagunça no nosso quarto - eu esqueci uma linda mini roseira que havia comprado de uma senhorinha na rua ontem, na janela, tomando sol de manhã - Pitty viu - sentiu o agradável cheiro das rosas e sem hesitar comeu tudo.. pisoteou a terra do vasinho e em seguida pisoteu minha cama... Respira fundo....conta até 100... tudo bem....
Tocou telefone - minha mãe, várias notícias, meu irmão vem aqui em casa à noite. Ótimo, assim ele distrai o marido com as músicas. Os dois ficaram tocando violão, cantando, e mixando as músicas num programa que baixaram da internet, um dia coloco aqui pra quem quiser escutar.
Mãe chegou, fiz janta - macarronada - mãe e irmão foram embora, saí com a Pitty, voltei, arrumei a cama, marido estava no computador, mas saiu de repente, está cochilando no sofá.. Vou lá acordá-lo para ir dormir :-)
Fim do dia. Boa noite!

quarta-feira, 22 de abril de 2009

sopa do tony / blog voluntário / aniversário de 7 meses da Pitty - tudo em um dia só!!! Que vida turbulenta... :-0

Ontem meu marido estava muito triste porque não conseguiu comprar um tal caldo que ele estava com vontade. Pois então, hoje, ele comprou um caldo de cebola, mas eu não vou me alongar muito sobre o assunto, para dar a chance de que ele mesmo escreva sobre o assunto depois!

------------------------

Eu inscrevi nosso blog em um site chamado Blog Voluntário, que está promovendo uma mobilização entre os blogueiros, para o Dia Global do Voluntariado Jovem.


O objetivo desse movimento na "blogosfera" é o combate ao analfabetismo digital e a proposta é que cada blog contenha posts com ações (tutoriais, exemplos etc) com o intuito de ajudar a pessoas que são iniciantes no "mundo digital". Estou aqui pensando no que postar entre os dias 24 e 26 de abril....

------------------------

Falando na cachorra... Hoje é o "aniversário" de 7 meses da Pitty. Isso quer dizer que há 7 meses ela, a essa hora, era um bebê recém nascido... Que belezinha!! Me lembro como se fosse hoje, eu estava almoçando quando a Mariana (minha prima e dona dos pais da Pitty), me mandou uma mensagem no celular dando a notícias de que os filhotes haviam nascido!

Eu fui, o mais rápido que pude, visitar as coisinhas! Eram 5 meninas, uma mais fofinha que a outra. Ah, filhote deixa saudade, né!

Então, só para relembrar.. e para mostrar a quem por ventura venha a ler esse post, aqui estão algumas fotos daquela memorável primeira semana da Pitty (aqui, com Luna, sua mãe, e suas irmãzinhas)


------------------------------------

SÓ MAIS UMA COISA... filhotes são lindos mesmo... mas existem muitos muitos cães sendo abandonados, mal tratados, sem um lar, sem um dono que cuide direito... A Luna teve essas filhas por uma "fatalidade", mas ninguém se esquivou da responsabilidade para com ela, nem para com suas filhotes. Entretanto, isso não é o ideal.

O Ideal, o que todo mundo deveria fazer, é castrar seus animais. Assim como a Pitty será castrada em breve...

Só para vocês terem idéia , um casal de cachorros pode gerar mais de 80 milhões de descendentes:


terça-feira, 21 de abril de 2009

DRAMA: INDIGNADO AO SAIR DO SERVIÇO...

Hoje posto aqui minha indignação por não ter conseguido comprar simples coisas pra fazer um caldo quente neste dia meio frio.Tudo isso começou quando sai do serviço as 14:30 com meu amigo Leandro, ele me disse que tinha um trabalho de ingles pra fazer e pediu minha ajuda. Disse a ele que tudo bem, mas que antes teria que ir ao centro pra comprar algumas coisas.Liguei pra Mary e decidi lançar a oferta de fazermos mais tarde um creme de ervilhas com bacon e uns pãezinhos bem frescos. Ela logo gostou da ideia!!!! rs rs ..... Tudo resolvido então, do hospital onde trabalho ao centro de mogi são uns 10 minutos a pé, fomos meio sossegados pois afinal de contas amanhã estou de folga, mas ao chegar no centro me lembro de uma coisa: - Putz! hoje é feriado! Saio feito um desesperado com meu amigo pelo centro em busca de alguma boa criatura que esteja trabalhando no feriado, além de mim que já havia ganhado o dia. E nada!No caminho pra minha casa fiquei feito um caçador no meio da Savanah Africana. Era um olha pra cá e prá lá que eu já não acreditava no que acontecia. Sair inspirado do serviço e encontrar tudo fechado é a maior decepção!!!!!Então ele disse: -Estamos próximos das Lojas Americanas! Uma ponta de esperança resiste! Entramos e então notei que as coisas que estava interessado em levar estavam sem preço marcado, procurei uma daquelas máquinas de leitura de codigos de barras, depois de 10 minutos achei uma e pra minha surpresa, nada estava com o código de barras cadastrado! Procurei por mais uns 10 minutos um atendente na loja e nada! Já meio de saco cheio naquela porcaria, decidi não levar as coisas pois, não queria entrar na fila do caixa só pra ficar perguntando preço. Larguei tudo lá e vim pra casa frustado, mas, nem tudo está perdido! Achei uma bombonieri aberta, comprei alguns salgadinhos e segui meu caminho, tranquilho, pois, iria me empantufar de isopor com corante!Vocês estão vendo como é difícil alguém se importar com as pessoas quando é feriado? Rs rs rsÉ isso ai galera! até mais!

1/3 of everything you buy goes straight to the garbage


Fiz uma limpeza da geladeira hoje, e, não sei como as pessoas de maneira geral se sentem com relação a isso, mas eu realmente não gosto da sensação que essa faxina me traz.
Claro que gosto de ver a minha geladeira limpinha e organizada. Mas não é a isso que me refiro..... é que quando limpo a geladeira, sempre jogo muita coisa estragada fora... e vejo o quanta comida desperdiçamos.

Comida tem sido um grande preocupação minha desde que mudei para essa casa. Antes morava com meus pais, e minha mãe sempre pensou nisso, eu não fazia idéia de como organizar a comida da casa dava trabalho.

Eu compro a comida, mas ela sobra, ou falta. Não consigo chegar a uma quantidade ideal de comida a ser comprada, tal que não falte, nem sobre... Não é problema quando falta, porque sempre podemos ir a um mercado e comprar mais, que graças a deus, pelo menos pra isso, nossos proventos são suficientes.... rsrsrs o problema é quando sobra.

Hoje, limpei a geladeira e tirei um monte de comida que simplesmente estragou, que nem comemos, que nem abrimos a embalagem... embolorou, apodreceu, fermentou... Tive que jogar fora... Isso me deixa numa tristeza muito grande.

Com o passar do tempo, vou tentando balancear a relação "comida comprada X comida consumida", mas até lá, quantas coisas jogarei fora? Fico me sentindo culpada por muitas pessoas passarem fome nesse mundo escasso de recursos, penso: eu aqui jogando comida fora, e alguém passando fome nesse momento.... :-(

Por isso, fui pesquisar aqui na internet sobre o assunto, afim de encontrar dicas para evitar o desperdício, e acabei encontrando um site interessante, sobre uma ONG chamada Banco de Alimentos. Não li o site inteiro anda, estou "folheando" aqui, e tenho achado muito interessante. Existe também um blog , que entre outras coisas, divulga cursos e eventos para o não desperdício http://blog.bancodealimentos.org.br/ .

-------------------------------------------------------------------------------


Mudando de assunto, descarreguei aqui 2 videos da Pitty, que o Tony fez no celular. O primeiro, foi ontem, antes de dormir, só pra vocês verem a manha que essa cachorra faz antes de pegar no sono! Parece uma criança, e só falta o "pai" dela pegar o livrinho e começar a ler uma história! rsrsrs

video


O outro vídeo, foi um dia que entramos em um site que tinha um teste para ver qual seria a reação dos cães quando escutam um uivo gravado.
Façam o teste no cachorro de vocês e contem pra gente como foi.. O site de origem do teste é o Vida de Cão .




video

------------------------------------------------------------------------------

*Imagem da campanha de Leo Burnett

domingo, 19 de abril de 2009

Passeio em Guararema

Hoje fui com meus pais, avó e irmão, para Guararema (clique aqui para referências).
Minha mãe estava com vontade de passear, e assim, pegamos o rumo para o Parque da Pedra Montada, onde há 2 pedras estranhamente encaixadas, de forma que ficamos nos perguntando como elas foram parar alí..


A paisagem é muito interessante. Aqui está uma foto que eu fiz, dessas pedras.



Além das pedras, há ainda uma quedinha d'água muito bonitinha, e um cenário natural, em meio a uma platafoma de madeira cheia de escadas, seguida de um pequeno bosque, muito agradáveis para se caminhar.



Depois de passearmos pela Pedra Montada, fomos ao "Recanto do Américo", que são uma sequência de pontes que levam pequenas ilhas no meio do rio Paraíba do Sul. Às margens do rio, há pessoas que jogam pão para os peixes, que se acumulam em grandes cardumes afim de comer o "petisco".

Outro passeio que fizemos naquela cidade, foi na "Ilha Grande", onde há uma praça/bosque, também dentro de uma Ilha do rio Paraíba do Sul, e que é bastante agradável para se fazer uma caminhada bucólica.. rsrsrs



Naquele lugar, há muitas capivaras, mas infelizmente, elas ficam escondidas, só que eu consegui fotografar uma prova irrefutável da presença desses gigantes roedores na ilha, olhem, mas não fiquem com nojo... rsrs





Para me redimir da foto que acabei de postar aqui, vou também colocar a foto de uma linda orquídea que também fazia parte daquela bela paisagem.. huhuhuhu



Resumindo, foi um dia muito legal, de passeio com a família, só faltaram o Wellington e a Pitty, que estavam em casa.

Vieram uns amigos do Wellington aqui hoje, eles assistiram o jogo de futebol que foi televisionado, se não me engano, o Corinthians e São Paulo, acho que o Corinthians ganhou, e vai disputar a final com o Santos, que venceu o jogo de ontem contra o Palmeiras (ah, se meu marido me ler escrevendo sobre futebol, vai ficar super orgulhoso.. ahahahahahahahah)

Pitty ficou em casa, acho que hoje não teve nenhuma mudança na sua rotina, ela passeou, brincou, dormiu, brincou, comeu... tudo normal.. rs

Estou aqui planejando a castração dela, e vou aproveitar a anestesia para fazer a retirada de um papiloma que apareceu na pálpebra dela, já falei com a veterinária sobre isso.

Olhem só que verruga feia está atrapalhando a beleza da nossa bebê:

-----------------------------------------------------------------------------------

sábado, 18 de abril de 2009

Um dia na casa da minha mãe...



Viemos passear aqui na casa da minha mãe, de onde estou escrevendo o post de hoje.Faz tempo que a Pitty não vinha para cá, acredito que fazia uns 4 meses já, o que para um cachorro, é bastante tempo, e para um filhote, é o suficiente para crescer bastante.Quando chegamos aqui, todos os cachorros que já tinham convivido com ela, a reconheceram e fizeram festa, mas o mais novo, o Lelo, Amarelo Safado, ainda não a conhecia, porque ele foi tirado da rua pela minha mãe, quando a Pitty já não frequentava a casa. Dessa forma, ele a rejeitou. Sim, ele poderia ter aceitado, os dois tem quase a mesma idade e poderiam ter brincado muito, mas ele não quis nem saber. Na hora que ele a viu, ficou muito bravo e rosnou, e foi pra cima dela. Ele é bem menor que ela, se ela resolvesse revidar a provocação, o teria machucado, mas apesar de ela ser agitada e cheia de energia, ela costuma se dar muito bem com outros cães, ainda bem, assim a Pitty não revidou os rosnados do Lelo.Entretanto, por conta da não aceitação, tivemos que separá-los. A Pitty ficou na garagem da casa, junto com o Sirius, o labrador do meu pai, que é, na verdade, o único que tem porte físico para aguentar suas brincadeiras nem um pouco delicadas.Eles passaram o dia juntos, e agora, à tarde, eu sai com meu pai para levá-lo a passear por aqui. Como ela estava eufórica com tantas novidades, puxou a guia um pouco, e eu quase me esborrachei no chão algumas vezes, mas tô pegando o jeito.Nós passamos em frente à casa da Luna, a mãe biológica da Pitty. Ela veio correndo muito brava e latiu muito no portão. Engraçado como os cachorros não estão nem aí pra se é mãe ou filha, elas não se lembraram uma da outra, e demonstraram hostilidade. Mas uma coisa eu constatei. A Pitty só não está tão encorpada quanto a Luna, mas aos 6 meses de idade, já está sutilmente mais alta que a mãe, está quase da altura do Sirius e continua crescendo...
Na hora que cheguei na casa dos meus pais, com meu pai e os cachorros, meu marido estava na sala, tinha acabado de lembrar que hoje haveria um jogo do seu time do coração Santos, contra o Palmeiras. Ligamos a TV. O jogo está sendo televisionado por um canal de esportes. Até agora, o Santos está ganhando de 1 a 0 e o Wellington está muito contente. Adoro vê-lo contente assim, mas estão ainda no início do primeiro tempo....
Outra coisa que está acontecendo nesse dia tão movimentado, é que hoje é aniversário do meu pai. Não é o dia oficial, porque o pai dele o registrou no dia errado, mas é o dia real, o dia que realmente, há 49 anos, ele estava vindo ao mundo! rsrsVai ter pizza à noite e depois iremos para nossa casa! Até lá, já terei publicado o texto de hoje, por isso, se algo m ais importante acontecer de agora em diante, só escreverei sobre, amanhã!!!

-----------------------------------------------------------------------------------

A sopa de feijão

Minha sogra cozinha muito bem. Ela é uma daqueles mulheres mineiras que fazem aquela comida mineira que ninguém nega ser umas das melhores do país, talvez do mundo.. rsrsrs
Sempre que vou à casa dela, volto carregada com sopas, doces, bolos e todas essas coisas boas, e gostosas. Mas ontem, invertemos os papéis! Eu cozinhei e levei meu prato para a casa dela!
Fiz uma sopa de feijão com macarrão e carne. Coisa simples, mas que dá aquela sensação de aconchego dos velhos tempos de noite fria.
Confesso que o meu maior sentimento era o de apreensão: será que minha sopinha estaria boa suficiente para uma mestra da culinária mineira? rsrsrsrs
Ela pegou a panelinha, esquentou a sopinha e encheu o prato... E eu pensei: ai meu Deus, será que deu certo???
Meu alívio aconteceu quando ela terminou de comer e disse: Se vc ainda não tivesse casado, eu diria que já poderia se casar heim!! ahahahaha Porque está muito boa a sua comida!

UFA! Sopinha aprovada.. e eu felizinha! rsrsrsrs

Quando chegamos em casa, a Pitty, que tinha ficado bonitinha, nem tinha feito muita bagunça, abriu o guarda roupas, mas picou só 1 cabide de plástico em cima da nossa cama!

-----------------------------------------------------------------------------------

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Nos 2 e nosso cão



Nesse primeiro post, queremos nos apresentar, porque imaginamos que talvez alguém que ainda não nos conheça entre aqui e leia algum post nosso.
Nós dois, somos Eu, Marina e Ele, Wellington! Somos casados há 4 meses e estamos nos divertindo muito, principalmente porque assim que começamos nossa vida juntos, surgiu um cãozinho, na verdade, cachorrinha, muito fofinha, bonitinha e obediente, chamada Pitty..

E assim começa a nossa história.......

-----------------------------------------------------------------------------------